Mensagem FENEME

Prezados Dirigentes de Entidades filiadas e demais Oficiais da FENEME
Referente ao episódio ocorrido ontem (28/03) em Salvador na Bahia, onde um Militar da Polícia Militar acabou baleado tenho, a informar inicialmente, após contato com o Presidente da Associação de Oficiais da Bahia Força Invicta, Major PM Copérnico, o seguinte:
1- O PM em questão estava servindo no interior do Estado da Bahia em Itacaré,  localiza Município a cerca de 300 quilômetros da Capital, onde no dia de ontem acautelou armamento e deslocou-se em seu veículo particular até a Capital do Estado;
2- Já na Capital nas imediações do Farol da Barra ocasionou o episódio amplamente divulgado pela mídia e redes sociais, onde dentro da técnica dominante se iniciou as negociações no sentido de cessar tal ação do referido PM sem sucesso;
3- Necessário informar, inclusive, que uma aeronave da PM (helicóptero)  seguiu a Itacaré e encontrava-se em retorno já próximo a Salvador com membros da família para auxiliar na negociação, não chegando em tempo face a disparos realizados pelo mesmo contra outros PPMM que encontrava-se isolando o perímetro ne na referida negociação;
4- Os PPMM após algumas horas de negociações, passaram a ser alvo de disparos quando revidaram atingindo o PM o ferindo gravemente, sendo  socorrido e encaminhado ao Hospital para atendimento por ambulância e equipe de socorro que se encontrava postada no local;
5- Alguns PPMM seguiram ao Hospital realizando uma vigília com orações quando foi anunciado a morte do PM ferido durante cirurgia de emergência;
6- O referido núncio da morte gerou comoção aqueles que se encontravam no local seguindo de palavras de ordem levados pela emoção do momento, sendo também anunciado por alguns que na data de hoje (29/03) haveria ato referente ao ocorrido no local dos fatos –  “Farol da Barra” em Salvador;
7- Ainda deverá ser apurado, porém  não parece haver evidência ou ligação do ocorrido com as ações policiais e governamentais por ocasião da pandemia que assola todo o País como alguns tentaram relacionar, contudo, como dito a apuração é quem trará a tona toda a verdade;
8- Tudo já está sendo apurado pelo Comando da Polícia Militar a quem compete apurar legalmente todos os fatos e ao final concluir o que de real ocorreu, e que qualquer nova informação repassarão à todos.
Pelos esclarecimentos acima fica evidente que há muita exploração do fato, com muitas conclusões precipitadas o que está gerando  muita confusão e de divulgação de informações falsas.
Por tudo, peço a todos Oficiais ligados à FENEME para tomarem cuidado com a divulgação de notícias/fatos não confirmados e de fontes duvidosas evitando divulgação precipitada, aguardando pronunciamento Oficial do Comando da Polícia Militar do Estado da Bahia.
Qualquer nova informação  fidedigna sobre o episósdio será imediatamente repassada.
Grato pela atenção e compreensão de todos.
Boa semana.
Coronel MarlonPresidente da FENEME

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *