Faceboob Twitter Image Map

Facebook
ABVO - Associa��o Barriga Verde dos Oficiais - Militares escrevem livros e criam Academia de Letras

ABVO

Notícias

Militares escrevem livros e criam Academia de Letras

19/04/2013

Militares escrevem livros e criam Academia de Letras


Fundada em 2012 a Academia de Letras dos Militares Estaduais de Santa Catarina já tem em seu rol de trabalhos acadêmicos cinco livros. Localizada junto às dependências da sede urbana da Associação Barriga Verde dos Oficiais (ABVO), no Bairro Trindade, em Florianópolis, os membros da ALMESC se reúnem uma vez por mês para trocar experiências e debater assuntos literários.

Neste ano, a primeira sessão solene da Academia ocorre no dia 10 de maio, em Blumenau, na Fundação de Cultura do município. Durante a sessão será proferida a oração acadêmica comemorativa aos 178 anos da PMSC. Após, os participantes que desejarem seguem para um jantar na Vila Germânica, onde ocorre a distribuição do primeiro número da revista de cultura da Academia, “O Clarim”.

No mês de Outubro haverá sessão solene comemorativa ao aniversário da Academia e do Corpo de Bombeiros Militar, com a posse de mais quatro novos integrantes. Tal cerimônia deverá ocorrer em Florianópolis.

Confira os títulos já lançados:

Memória Militar Estadual (resenha do centenário da PM e pequenas biografias de oficiais já falecidos e dos oficiais mais antigos, além de notícia sobre a fundação da Academia). Autor: Coronel Roberto Rodrigues de Menezes, Cadeira 2.

Castelo Azul – livro de poemas comemorativos ao ingresso do autor, Roberto Rodrigues de Menezes, na Academia Desterrense de Letras.

10º BPM – Os primeiros vinte e cinco anos – obra do vice-presidente da Academia, Tenente Coronel Paulo Roberto Bornhofen, que narra a trajetória do valoroso batalhão do vale germânico no seu primeiro quarto de século de atividades.

Arcanjo – Livro que relata a origem do Batalhão de Operações Aéreas (BOA), elaborado a quatro mãos pelo acadêmico Coronel Álvaro Maus e o Tenente Coronel Edupércio Pratts.
Epicentro de uma tragédia – Relatos de dramas de policiais e bombeiros militares que estiveram no centro da catástrofe que atingiu Santa Catarina em novembro de 2008. Obra do Tenente Coronel Paulo Roberto Bornhofen, lançada na Fundação Blumenauense de Cultura no mês de março.

*Academia de Letras dos Militares Estaduais de Santa Catarina foi fundada em 1º de outubro de 2012, com o objetivo de fomentar, estimular e prover de maneira sistemática e continuada a cultura em todos os níveis no âmbito das duas Corporações que lhe dão respaldo: a Polícia Militar de Santa Catarina e o Corpo de Bombeiros Militar. Seus integrantes são militares estaduais da Ativa e da Reserva das duas instituições. A área técnica, o resgate da rica História das duas Corporações (a Polícia Militar desde 1835 e o Corpo de Bombeiros Militar desde 1926), como também a Literatura na sua forma ampla de conto, crônica, poesia, ensaio e biografia, são seus objetivos culturais permanentes, como também a parceria constante e fraterna com as instituições e sodalícios da cultura catarinense.

Escola Abvo
Concurseria
Sede Balneária
Já sou associado
Seja Sócio
Convênios
Cadastro de email
Galeria de fotos
Galeria de vídeos
Academia de letras
Associação Eloi Mendes
FENEME
Contra Cheque
   

Image Map